A sonolência diurna: desvendando o principal sintoma da apneia do sono

A apneia é uma doença respiratória, caracterizada pela interrupção temporária da respiração durante o sono, causando distúrbios durante o sono e afetando negativamente a qualidade de vida diária. É uma condição que afeta muitas pessoas em todo o mundo, possuindo uma variedade de sintomas, entre elas a sonolência diurna, considerada um dos sintomas mais visíveis e perigosos do diagnóstico.

A sonolência diurna excessiva é um sintoma direto do distúrbio do sono causado pela apneia do sono, os pacientes diagnosticados, muitas vezes, relatam sentir-se sonolentos o tempo todo, apesar de dormir o suficiente à noite, esse cansaço constante pode impactar negativamente o desempenho, a concentração e até a segurança nas atividades diárias como dirigir.

O ciclo vicioso da fragmentação do sono

A apneia do sono interrompe os ciclos naturais de sono, incluindo o essencial sono profundo, necessário para a restauração física e mental, essas  pausas respiratórias durante a noite resultam em despertares frequentes, prejudicando a qualidade do sono. Esse ciclo vicioso contribui para a sonolência diurna persistente, criando um impacto na qualidade de vida.

As consequências além da sonolência

A apneia do sono está relacionada também a uma série de problemas de saúde a longo prazo. O ronco alto, sufocamento noturno e a interrupção do sono podem contribuir para o desenvolvimento de condições como

  • hipertensão arterial,
  • doenças cardiovasculares
  • e diabete.

Além disso, a saúde emocional pode ser afetada, aumentando o risco de distúrbios como a depressão.

Diagnóstico e tratamento

O diagnóstico da apneia do sono envolve um estudo do sono do paciente, nos quais os padrões respiratórios e outros parâmetros são monitorados durante seu sono.

Para o diagnóstico da apneia do sono é necessário passar primeiro por um médico, pode ser cardiologista, neurologista ou pneumologista, que pedira alguns exames, entre eles a polissonografia, para investigar o seu sono e dar início ao tratamento. Uma vez diagnosticada, a apneia do sono pode ser tratada de várias maneiras, desde mudanças no estilo de vida e terapias comportamentais até intervenções médicas mais avançadas, como o uso de aparelhos CPAP.

Leia mais em: A apneia do sono e o tratamento com CPAP

Compreender os sintomas da apneia do sono, destacando a sonolência diurna, é importante para uma identificação precoce e de um tratamento eficaz. A busca por orientação médica é fundamental para aqueles que suspeitam estar enfrentando esse diagnóstico, garantindo não apenas uma melhoria na qualidade do sono, mas também a prevenção de complicações de saúde a longo prazo.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe em suas redes sociais:

Facebook
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Quer tirar dúvida com um de nossos especialistas?

Sua dúvida pode ser de outra pessoa também. Ajude-nos a ajudar mais pessoas. 

Mantenha-se informado!

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo e informações sobre saúde.

Grupo Microsom SAC

Olá! Posso ajudá-lo(a)? Informe seu email e telefone para iniciarmos uma conversa sem compromisso ;)

bitrix