Perda auditiva e Covid 19, tem relação?

Como tem sido divulgado desde o início por todos os meios de comunicação, a infecção pelo vírus da Covid 19 tem sido associada a muitas complicações a longo prazo, incluindo danos ao coração, aos pulmões e distúrbios neurológicos.

Recentemente, pesquisas apontaram se a perda auditiva e o zumbido podem ser consequências da infecção por coronavírus, como um sintoma e/ou uma complicação que aparece em dias ou até mesmo semanas depois do diagnóstico.

De acordo com estudos e casos clínicos já divulgados anteriormente, sabemos que infecções virais e bacterianas podem causar perda auditiva repentina. Mas, segundo relatos de casos publicados em uma pesquisa recente, parece que a perda auditiva súbita raramente é um sintoma apresentado no início da contaminação. Ela se desenvolve posteriormente, em aproximadamente 8 semanas depois.

Relatórios de autópsia de pacientes que foram a óbito, detectaram alguma evidência de dano causado pelo vírus nos ossos do ouvido médio.

Zumbido

Alguns estudos também relacionam o novo coronavírus com o zumbido. Mas apesar disso, a Associação Americana de Zumbido enfatiza que condições preexistentes podem ter mais envolvimento com o zumbido por conta do stress e depressão associados a isolamento social do que o vírus unicamente.

Medicamentos Ototóxicos

Combater vírus e bactérias muitas vezes requerem tratamentos com medicamentos ototóxicos (Ototoxicidade é definida como dano aos sistemas coclear e/ou vestibular resultante de exposição a substâncias químicas). E por conta desse tipo de tratamento, é possível que pessoas desenvolvam mais perda auditiva.

Conclusão

Ainda são necessários mais estudos para investigar os efeitos de como o coronavírus afeta a audição e o equilíbrio. À medida que a pandemia avança, mais pesquisas serão feitas para concluir não só os impactos do vírus com a perda auditiva e de zumbido, mas de outras consequências na saúde do corpo todo.

É por isso que é necessário todo o cuidado e proteção para que não haja contaminação. E aos primeiros sintomas, procure orientação de um profissional da saúde para o tratamento correto. O uso de medicamentos por conta própria pode ser prejudicial a saúde.

Referências de pesquisas

  1. Symptoms of Coronavirus https://www.cdc.gov/coronavirus/2019-ncov/symptoms-testing/symptoms.html
  2. Neurologic Manifestations of Hospitalized Patients With Coronavirus Disease 2019 in Wuhan, China https://jamanetwork.com/journals/jamaneurology/fullarticle/2764549
  3. Understanding the facts. https://www.ata.org/understanding-facts/related-conditions
  4. Seçkin U, Ozoran K, Ikinciogullari A, Borman P, Bostan EE. Hydroxychloroquine ototoxicity in a patient with rheumatoid arthritis. Rheumatol Int. 2000;19:203–204.

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais:

Quer tirar dúvida com um de nossos especialistas?

Sua dúvida pode ser de outra pessoa também. Ajude-nos a ajudar mais pessoas. 

Mantenha-se informado!

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo e informações sobre saúde.

Grupo Microsom SAC

Olá, em que posso ajudá-lo(a)? Me informe seu email e telefone para iniciarmos uma conversa sem compromisso ;)