É importante que, além de uma avaliação audiológica convencional, seja realizada a avaliação do zumbido do paciente.

 

Com base nesta avaliação, nas informações colhidas durante a anamnese e as orientações do médico otorrinolaringologista, inicia-se a adaptação dos aparelhos auditivos.

 

Na maioria dos casos, os testes começam apenas com a amplificação por intermédio do aparelho auditivo.

Após essa fase inicial e no decorrer dos testes, caso seja necessário, é possível acionar o gerador de som (ruído) específico para mascaramento do zumbido.

 

Além dos ajustes e avaliações realizados no consultório, os testes com os aparelhos auditivos poderão acontecer em casa para melhor verificação dos benefícios.

 

Caso o paciente não tenha perda auditiva e apresente apenas zumbido, o teste deve ser realizado apenas com o gerador de som ligado (sem amplificação).

 

Em todos os casos de pacientes que apresentam zumbido é importante que haja acompanhamento médico para que todas as medidas sejam tomadas em conjunto, a fim de aliviar a sensação que o paciente tem em relação ao seu zumbido.